Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

zassu

23
Fev20

Versejando com imagem - Da terra..., José António Silva

 

VERSEJANDO COM IMAGEM

 

DA TERRA…

20200211_143505

 

 Da terra, das raízes, do suor salgado do rosto

Do labor de mãos nodosas e sedentas da jornada

Vem o prémio generoso e gárrulo que é o mosto

Tinto e alegre ardor da alma libertada.

 

As palavras, fáceis, escorregam aos bagos,

Inchadas de sumo e espuma de laço

Ressumam, dançantes, de todos os tragos

E trazem no casco o calor de um abraço.

 

Ergam os copos em pâmpanos gestos

Para brindar a dádiva desta natureza

De duros granitos e aráveis modestos.

 

Riqueza arrancada à terra todo o ano

Que no jarro enfeita a alva mesa

De todo e qualquer lar transmontano.

Da terra..., José António da Silva

José António Silva, Professor

20200211_141840

22
Fev20

Versejando com imagem - Não só vinho, Ricardo Reis

 

 

VERSEJANDO COM IMAGEM

 

NÃO SÓ VINHO

20200211_141351

Não só vinho, mas nele o olvido, deito

Na taça: serei ledo, porque a dita

É ignara. Quem, lembrando

Ou prevendo, sorrira?

Dos brutos, não a vida, senão a alma,

Consigamos, pensando; recolhidos

No impalpável destino

Que não ‘spera nem lembra.

Com mão mortal elevo à mortal boca

Em frágil taça o passageiro vinho,

Baços os olhos feitos

Para deixar de ver.

Não só o vinho, Ricardo Reis

13-6-1926

Ricardo Reis, in "Odes"

Heterónimo de Fernando Pessoa

20200211_141939

Casa do Vinho, Valpaços - (Trás-os-Montes)-Norte de Portugal

17
Fev20

Versejando com imagem - Tu Sentado à tua mesa, Sophia de Mello Breyner Andresen

 

VERSEJANDO COM IMAGEM

 

TU SENTADO À TUA MESA

20200211_141402

 

Tu sentado à tua mesa

Bebes vinho comes pão

Quem é que plantou a vinha?

Quem é que semeia o grão?

 

Lá no socalco da serra

Anda a cavar teu irmão

Debruçado sobre a terra

P'ra que tenhas vinho e pão

 

Para além daquela serra

P'ra que tenhas vinho e pão

Abrindo o corpo da terra

Dobra o corpo o teu irmão

 

Sua mão concha do cacho

sua mão concha do grão

Em cada gesto que faz

Põe a vida em comunhão.

 

Tu sentado... e Sophia de M. B. Andresen

Sophia de Mello Breyner Andresen, de "Poemas Dispersos"

in "Obra Poética",  da "CAMINHO" 2010.

20200211_141818

Casa do Vinho, Valpaços - Norte de Portugal

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • zassu

    Obrigado pela coreção.A. souza e Silva

  • Anónimo

    Capela do Socorro (https://viladoconde.com/capela-...

  • Anónimo

    Há decénios que Chaves está em dívida com Miguel T...

  • Fer.Ribeiro

    Sem comentários!

  • Anónimo

    Indique-me o seu mail, por favor.

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D